A Congregação do Santíssimo Redentor possui joias raras em forma de missionários. Um deles é o padre Hilton Furlani, nosso querido Padre Furlani, que atualmente reside no Seminário Santa Teresinha, em Tietê. No dia 11 de agosto de 2022 Padre Furlani completa 95 anos.

Nascido em 11 de agosto de 1927, na cidade de Pederneiras (SP), Padre Furlani discerniu sobre sua vocação ainda criança. Ele conta que, em seu primeiro contato com o padre missionário Artur Bonotti, constatou: “Quero ser padre missionário, quero trabalhar para Jesus”. Em janeiro de 1942, entrou para o Seminário Santo Afonso, em Aparecida, com 15 anos.

Os estudos de filosofia e teologia foram realizados no Seminário Santa Teresinha, em Tietê (SP), onde foi ordenado sacerdote. Depois, passou por diversas cidades e paróquias, inclusive pelo Santuário Nacional de Aparecida, onde dedicou-se ao apostolado com os romeiros.

Vindo de uma família de onze irmãos, padre Furlani já soma mais de trinta anos de sua vida dedicados às missões.

Em Tietê ele esbanja vitalidade. Celebra missa regularmente, participa das orações das comunidade religiosa e trabalha nas horta, uma de suas paixões. “Se eu parar eu morro”, lembra ele. Todos os dias traz legumes e verduras para a cozinha do seminário.

Quando os noviços, com quem convive com muita alegria, o oferecem refrigerante, ele responde com voz forte: “Veneno, para mim”. E o riso corre solto.

Citando o profeta Jeremias, ainda revela: “O culpado de eu ser padre é Jesus, Ele me convenceu, Ele me seduziu”.

(Texto publicado originalmente em https://www.a12.com/redentoristas/missionarios/pe-hilton-furlani-abre-bau-de-memorias-sobre-sua-missao, no Portal A12, com edição do Noviço Gilson Gaigher Junior em 04 de agosto de 2022).

Fotos de Jamilson Castro

 

Compartilhe: